MENU >
Peça já uma Pré-Aprovação Sem Qualquer Compromisso

Vantagens e desvantagens do crédito consolidado

O crédito consolidado consiste num produto financeiro cuja finalidade é a unificação de prestações de empréstimo, com o objetivo de reduzir o valor deste encargo ao consumidor.

À primeira vista pode parecer uma opção vantajosa para qualquer um que tenha prestações de crédito em aberto. Contudo, é preciso estar atento antes de recorrer a tal solução, certificando-se de que vale a pena.

Para esclarecer os pontos positivos e negativos da consolidação de crédito, elaboramos um artigo com as suas vantagens e desvantagens. Confira a seguir!

Crédito consolidado: conheça as vantagens e desvantagens deste recurso

Numa explicação resumida, consolidar créditos significa juntar diferentes prestações de empréstimo como habitação, automóvel, créditos ao consumo e até mesmo cartões de crédito, numa única mensalidade.

Especialmente para aqueles que acabaram por contrair muitas prestações, esta pode ser uma alternativa para aliviar o orçamento mensal. Contudo, é importante saber as vantagens e desvantagens antes de tomar a sua decisão.

1 – Vantagens do crédito consolidado

Entre os principais pontos positivos na consolidação de crédito, podemos destacar:

O consumidor passa a ter de lidar somente com uma prestação, uma taxa de juros e uma instituição bancária para negociar.

Tudo isso certamente vai facilitar a vida de quem possui diversas prestações, e permitir reorganizar novamente a vida financeira para desafogar o orçamento.

Quem optar por consolidar as prestações de crédito pode ter uma redução de até 60% no valor das mensalidades. Esta redução certamente alivia o orçamento e possibilita a criação de uma poupança mensal.

Assim, esta ferramenta torna-se mais uma aliada na organização da vida financeira, proporcionando poupança de dinheiro.

Este crédito é uma operação de reestruturação da dívida, dessa forma proporciona prazos maiores que os que existiam até então, mesmo para dívidas de longo prazo.

Isso permite ter mais tempo para pagar os créditos que antes tinham prazos mais apertados, além de poder contar com taxas de juros mais baixas.

A unificação das prestações vai reduzir a taxa de esforço, o que pode possibilitar a contratação de outro financiamento, caso tenha necessidade.

Porém, é importante ter cuidado para não comprometer o orçamento mensal e acabar com várias prestações novamente.

2 – Desvantagens do crédito consolidado

Como tudo tem pontos positivos e negativos, este crédito não poderia ser diferente. Veja agora quais são as desvantagens caso opte por este recurso.

Quem está em situação de incumprimento dificilmente terá acesso a este tipo de crédito, o que geralmente é o caso de quem possui muitas prestações de empréstimos.

A dilatação do prazo pode funcionar como vantagem e desvantagem, já que este aumento significa também mais tempo de dependência financeira em relação à instituição credora.

Quanto maior for o prazo escolhido no contrato, maior tende a ser o juro final. Devido a isto, é necessário fazer uma análise criteriosa para que os juros não fiquem maiores ao realizar a unificação dos créditos.

Por fim, provavelmente terá de arcar com gastos adicionais referentes à comissão pela amortização antecipada dos empréstimos. Por exemplo, taxas de cartório, registo e impostos em casos de créditos hipotecários.

Se acredita que paga uma taxa de juro muito acima da praticada no mercado e deseja reduzi-la, vale a pena considerar a consolidação. Também pode recorrer a este crédito se estiver com dificuldades em pagar os financiamentos que possui.

Mas, para que esta solução seja de facto vantajosa é preciso fazer as contas para perceber se os juros realmente serão reduzidos. Também deve analisar quanto será o montante final ao dilatar o prazo.

Agora que já sabe tudo sobre o crédito consolidado, analise bem a sua situação e verifique se será uma boa opção para a sua vida financeira.

Peça já uma Pré-Aprovação Sem Qualquer Compromisso
Contraste
Fontes legíveis
Este site usa cookies, poderá consultar toda a informação na nossa página de Política de Privacidade. Reconheço e aceito que ao continuar a utilizar este site, dou o meu consentimento à utilização dos cookies deste site. Para mais informações sobre os cookies que utilizamos, como os gerimos e/ou apagamos, por favor consulte a nossa Política de Privacidade.